O CAMINHÃO DE LIXO

“Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente, caso alguém tenha motivo de queixa contra outrem. Assim como o Senhor vos perdoou, assim também perdoai vós; acima de tudo isto, porém, esteja o amor, que é o vínculo da perfeição. Seja a paz de Cristo o árbitro em vosso coração, à qual, também, fostes chamados em um só corpo; e sede agradecidos”.          

                                                                                                                               Colossenses 3: 13-15. 

 

Um amigo tomou um táxi para ir ao aeroporto. O dia estava agradável e o trânsito fluía sem problemas. Estavam quase chegando quando de repente uma camionete surgiu à sua frente. O motorista do táxi freou bruscamente e conseguiu livrar-se de um acidente, que teria sido grave. O motorista do outro veículo sacudiu as mãos em gestos obscenos e ainda gritou palavrões. O taxista apenas sorriu e acenou para o indivíduo, não havia ódio nem agressividade em seus gestos.

Então, inconformado, meu amigo lhe perguntou: ”Porque você fez isso? Aquele homem quase provocou um acidente e por pouco não fomos parar no hospital, e você se limita a fazer acenos de amizade? O que é isso?” Foi quando o motorista lhe ensinou o que ele chama de “LEI  DO CAMINHÃO DE LIXO”.  Ele explicou: “Muitas pessoas são como um caminhão de lixo. Andam carregadas  do “LIXO” das frustrações, da raiva, ódio, vingança e maldade. E à medida que seus pacotes de lixo aumentam, elas precisam de um lugar para descarregar e, às vezes, querem descarregar sobre a gente. O que eu fiz foi apenas sorrir e manifestar minha amizade. No meu coração eu não quero lixo.  Sigo em Paz o meu caminho!”

Aquele taxista estava praticando um princípio bíblico de não abrigar no coração sentimento de cólera, ira e malícia, nem de expressá-los por meio de palavras indecorosas.

Jesus nos ensina a suportar uns aos outros. Eu, porém, vos digo: amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai celeste, porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons e vir chuvas sobre justos e injustos.  Mateus  5.43-44

 

Devocional Presente Diário dos PMs de Cristo, publicado no boletim da IPI de Mogi Mirim.